Chapecó

Lance Notícias | 26/09/2022 09:27

26/09/2022 09:27

9979 visualizações

Após ser vítima de estupro menina de 10 anos procura ajuda na UPA, em Chapecó

Na última sexta-feira (23), a Polícia Militar de Chapecó foi acionada para atender ocorrência de estupro de vulnerável e lesão corporal. A guarnição deslocou até a UPA Saic, onde uma menina de dez anos estava acompanhada por sua avó. Em contato com o médico que atendeu a vítima ele informou que a menina foi até […]

Após ser vítima de estupro menina de 10 anos procura ajuda na UPA, em Chapecó

Na última sexta-feira (23), a Polícia Militar de Chapecó foi acionada para atender ocorrência de estupro de vulnerável e lesão corporal. A guarnição deslocou até a UPA Saic, onde uma menina de dez anos estava acompanhada por sua avó.

Em contato com o médico que atendeu a vítima ele informou que a menina foi até a Unidade acompanhada da avó para pedir ajuda pois a criança estava passando mal, além de apresentar corrimento vaginal com forte odor o que a incomodava.

Em conversa com a avó da menina, ela informou que aos seis anos a menina apresentou sangramento vaginal, e na época a avó procurou o Conselho Tutelar e comentou que o padrasto era quem dava banho na criança e ela reclamava que o homem pressionava a sua vagina e tocava nela, mas que naquela época a mãe da menina e o referido padrasto estavam em fase de separação.

Ainda conforme informações da avó, a mãe da menina voltou a ter relacionamento com o homem e dada a situação inspirou desconfiança e para piorar a neta à procurou com problema de saúde.

De acordo com a menina a ação abuso e estupro teriam ocorrido há cerca de três anos, época em que o suspeito seria seu padrasto e atual namorada de sua mãe. A menina relatou que a presença do homem lhe causa medo e repulsa.

Em razão dos fatos o Plantão do Conselho Tutelar foi acionado e a tutela da menina ficou com a conselheira que iria encaminhar a menor ao acolhimento. A Polícia Civil também foi acionada e esteve no local.

 

 

Deixe seu comentário