Assessoria

| 11/10/2022 18:00

11/10/2022 18:00

9232 visualizações

Crianças e adolescentes acolhidos pela justiça poderão ter padrinhos afetivos em Xaxim

Crianças e adolescentes acolhidos pela justiça poderão ter padrinhos afetivos em Xaxim

Na segunda-feira (10), aconteceu o lançamento do programa Apadrinhamento Afetivo, em Xaxim, que será desenvolvido pelo Poder Judiciário, Ministério Público e Governo Municipal. A intenção é estimular crianças e adolescentes em situação de acolhimento judicial, à convivência saudável em família e em comunidade.

O padrinho afetivo poderá contribuir financeiramente sem necessariamente criar vínculos afetivos; proporcionar momentos voltamos à cultura, lazer, educação, saúde ou formação profissional do afilhado; e contribuir com recursos materiais como objetos, equipamentos, utensílios, móveis, dentre outros.

Segundo a juíza da 1ª vara da comarca de Xaxim, Marciana Fabris, o mesmo programa já desenvolvido em outras cidades catarinenses e tem resultados positivos.

– Faz muita diferença na vida de uma criança ou adolescente ter com quem contar. Seja de forma afetiva ou mesmo financeira, o apadrinhamento se torna um aporte positivo no desenvolvimento do afilhado. Quem tiver interesse em ser um padrinho pode procurar a assistência social do município que terá todo o suporte necessário – explica a juíza.

Para o secretário municipal de assistência social, Eder Lussani, o programa é um marco para Xaxim.

– Hoje temos várias crianças e adolescentes aptos a serem acolhidos. O povo da nossa cidade tem um coração bom e certamente, o programa será muito bem recebido. Todos ganham, o afilhado e o padrinho também – afirma.

Deixe seu comentário