Lance no Campo

Lance Notícias | 04/09/2022 09:31

04/09/2022 09:31

27636 visualizações

Lance no Campo: Família Hammerich empreende no agronegócio com o plantio de cana de açúcar

A família Hammerich moradora da Linha Clóvis, no município de Lajeado Grande, tem se destacado na produção de derivados da cana. Daqui dessa propriedade é possível adquirir caldo de cana, melado, açúcar de cana, rapadura, cachaça, licor e até vinho. O que um dia já foi plantação de fumo e propriedade de criação de suínos, […]

Lance no Campo: Família Hammerich empreende no agronegócio com o plantio de cana de açúcar

A família Hammerich moradora da Linha Clóvis, no município de Lajeado Grande, tem se destacado na produção de derivados da cana. Daqui dessa propriedade é possível adquirir caldo de cana, melado, açúcar de cana, rapadura, cachaça, licor e até vinho.

O que um dia já foi plantação de fumo e propriedade de criação de suínos, hoje é um local estruturado para plantio de cana e comercialização de produtos derivados da mesma. Seu Sestilio e dona Maria, esbanjando simplicidade, buscam sempre, bem atender seus clientes.

Após a perda do pai de Sestilio, com o desejo de resgatar o que aprendeu com os pais, a família Hammerich começou a investir no plantio de cana. São 1,3 hectares do total de 3, atualmente são reservados para o plantio da cana, com a intenção de se plantar mais pela grande demanda.

O trabalho de plantio e colheita é todo manual e feito diariamente. Após a colheita, para não perder a tradição, as canas são carregadas na famosa fubica da família, para moenda e início da fabricação dos derivados.

Dona Maria Hammerich é quem cuida da produção do melado e do açúcar de cana. Ela explica que atualmente são feitos de cinco a seis tachos de açúcar por dia e cada um leva em torno de uma hora e meia há duas horas para ficar pronto.

Seu Sestilio, também possui na propriedade um vinhedo com mil plantas em fase de brotação e afirma que para final do ano, em dezembro, as uvas estarão boas para colheita. Seus vinhos, inclusive, já ganharam premiação pela qualidade.

Dona Maria e seu Sestilio, desde o início contaram com a ajuda de Thiago Marchi, engenheiro agrônomo da Epagri e quem esteve auxiliando a família Hammerich no processo de legalização da agroindústria.

Com o alvará sanitário em mãos, a família Hammerich pode comercializar seus produtos em mercados e assim, para aumentar a clientela.

A família também fará parte da Rota Turística de Lajeadro Grande com outras propriedades da região e espera de portas abertas a todos que queiram visitar a propriedade.

Deixe seu comentário