Polícia

Lance Notícias | 18/07/2022 16:08

18/07/2022 16:08

7885 visualizações

Polícia Civil e Vigilância Sanitária interditam clínica clandestina de bronzeamento artificial

A Polícia Civil da Comarca de Maravilha, juntamente com a Vigilância Sanitária, interditou na tarde de hoje, 18 de julho, uma clínica de bronzeamento artificial que funcionava de forma irregular em uma residência na cidade de Maravilha. Após receber informações de que uma clínica de bronzeamento artificial funcionava de forma clandestina em uma residência no […]

Polícia Civil e Vigilância Sanitária interditam clínica clandestina de bronzeamento artificial

A Polícia Civil da Comarca de Maravilha, juntamente com a Vigilância Sanitária, interditou na tarde de hoje, 18 de julho, uma clínica de bronzeamento artificial que funcionava de forma irregular em uma residência na cidade de Maravilha.

Após receber informações de que uma clínica de bronzeamento artificial funcionava de forma clandestina em uma residência no Bairro Bela Vista, a Polícia Civil começou a investigar o fato e após autorização judicial realizou busca e apreensão no local, constatado que no local havia uma câmera de bronzeamento artificial em uso que não tinha autorização sanitária para funcionamento.

No momento do cumprimento do mandado de busca, foi inclusive flagrado uma cliente realizando bronzeamento artificial na câmera que havia sido lacrada pela vigilância sanitária em maio deste ano.

Desta forma, diante do descumprimento sanitário e utilização da câmera de bronzeamento sem autorização das autoridades competentes, o local foi interditado pela Polícia Civil e Vigilância Sanitária.

A pessoa responsável pelo local irá responder pelo crime contra as relações de consumo com pena de dois a cinco anos de reclusão, pois há uma Resolução da ANVISA que proíbe desde 2009 a utilização de câmeras de bronzeamento artificial para fins estéticos, baseados na emissão de radiação ultravioleta.

Deixe seu comentário