Variedades

Maicon Fiuza | 13/09/2022 18:10

13/09/2022 18:10

22977 visualizações

Seguindo os passos de sua família, xaxinense se destaca no ramo da música

A música é nossa mais antiga forma de expressão, possivelmente até mais antiga que a linguagem. De fato, é muito mais que as palavras, pois estas são símbolos abstratos. A música toca nossos sentimentos mais profundamente que a maioria das palavras e nos faz responder com todo nosso ser. Othon Paulo Tavares de Almeida trabalha […]

Seguindo os passos de sua família, xaxinense se destaca no ramo da música

A música é nossa mais antiga forma de expressão, possivelmente até mais antiga que a linguagem. De fato, é muito mais que as palavras, pois estas são símbolos abstratos. A música toca nossos sentimentos mais profundamente que a maioria das palavras e nos faz responder com todo nosso ser.

Othon Paulo Tavares de Almeida trabalha com música há 20 anos de maneira profissional, e contou ao Lance Xaxim sobre como a música fez parte de sua vida:

— A música começou na minha vida desde criança quando minha mãe cantora lírica, e meu avô materno que era maestro e cantor, ele começou como artista no meio gospel e chegou a gravar dois álbuns — conta.

Contou também que atualmente vive da música, é a sua principal fonte de renda, mas tem outros empreendimentos fora da música também.

Othon é multi-instrumentista, começou com violão aos 12 anos, cantou no coral e depois estudou contrabaixo acústico, piano e técnica vocal e nos comentou sobre sua dedicação e atividades:

— Nesses últimos quatro anos me dediquei ao estudo do violoncelo. Hoje faço parte do grupo Delicatto, e sou diretor musical da Igreja Nova História em Xanxerê, faço produção e mentoria para novos artistas. Sou professor da Casa da Cultura Xaxim e pretendo contribuir mais com a cultura local — comenta.

Segue sempre demonstrando e buscando a excelência musical. Como musico o objetivo não se limita aos palcos, mas também compartilhar o conhecimento para muitos.

 

Deixe seu comentário