Justiça

Lance Notícias | 18/09/2022 14:23

18/09/2022 14:23

12928 visualizações

No Oeste: homem detido com R$ 2 milhões em produtos do Paraguai é colocado em liberdade

Foi colocado em liberdade o motorista morador de Irani que estava preso em Guaíra com centenas de produtos importados ilegalmente do Paraguai. O material estava avaliado em mais de R$ 2 milhões. A informação foi confirmada pelo advogado Leandro Bernardi, que está na defesa do homem. Com a decisão da Justiça, o suspeito de contrabando […]

No Oeste: homem detido com R$ 2 milhões em produtos do Paraguai é colocado em liberdade

Foi colocado em liberdade o motorista morador de Irani que estava preso em Guaíra com centenas de produtos importados ilegalmente do Paraguai. O material estava avaliado em mais de R$ 2 milhões.

A informação foi confirmada pelo advogado Leandro Bernardi, que está na defesa do homem. Com a decisão da Justiça, o suspeito de contrabando e descaminho poderá responder a ação fora do sistema penitenciário.

Relembre:

Um motorista morador de Irani foi preso em ação da Polícia Rodoviária Federal na região de Guaíra com produtos de contrabando e descaminho avaliados em mais de R$ 2 milhões. O caso aconteceu na BR-163.

O condutor foi flagrado pelos policiais transportando os produtos, porém o destino não foi informado. Ele recebeu voz de prisão e segue recolhido no sistema penitenciário do Paraná. O advogado Leandro Bernardi já protocolou pedido de liberdade provisória.

Conforme relatório da PRF, o caminhão Volvo estava transportando 16 volumes de mercadorias importadas ilegalmente do Paraguai, sem qualquer tipo de documentação fiscal.

Entre os produtos, estavam cigarros eletrônicos totalizando 1,5 mil unidades; outras 6 mil unidades de charutos; 30 Ipad; 150 unidades de aparelhos cromechast; 20 unidades de vídeogame Nintendo; 50 unidades de Iphone 11; 30 unidades de celulares Xiaomi; 10 unidades óculos de realidade virtual; além de memorias SSD (2 mil unidades); receptor de TV (50 unidades); e 8 macbook.

Com informações: Atual FM

Deixe seu comentário