Câmara de Vereadores

Lance Notícias | 23/08/2022 08:38

23/08/2022 08:38

6596 visualizações

Vereador questiona abertura da CPI do estacionamento rotativo e sugere abertura da CPI da Flash

Vereador questiona abertura da CPI do estacionamento rotativo e sugere abertura da CPI da Flash

Na sessão ordinária de segunda-feira (22) o vereador Julio Grasel fez uso da tribuna e questionou a abertura da Comissão Parlamentar de Inquérito – CPI, para apurar possíveis irregularidades e responsabilidades da Prefeitura e da empresa administradora do estacionamento rotativo de Xaxim.

Em sua fala o vereador rebateu as justificativas apresentadas para a abertura da CPI do estacionamento rotativo. Também discordou de que a prefeitura começou a fiscalizar somente depois dos requerimentos apresentados pelos vereadores. Em seu entendimento, as informações estão disponíveis na prefeitura.

— Vamos lembrar que uma CPI é feita para apurar irregularidades e principalmente apurar crimes. Mas até então, através desse requerimento que os vereadores fizeram, nós da bancada não estamos achando nenhum crime. Claro que o vereador tem que fiscalizar, é a função nossa fiscalizar. Só acredito que algumas informações que talvez não tenham vindo o vereador tem que buscar — fala.

O parlamentar disse ainda que aproveitando a abertura da comissão de inquérito será solicitada também uma investigação sobre a empresa Flash, prestadora de serviços na gestão passada.

— Hoje estamos entregando o requerimento da nossa bancada para que seja feita também a CPI da Flash, empresa que todos sabem, prestava serviços na administração passada, que a prefeitura pagou o contrato e que a empresa não pagou os funcionários, os funcionários entraram com processo contra a prefeitura e ganharam. Aqui sim temos um crime —  argumenta.

O vereador apresentou dados e afirmou que existem depoimentos de que funcionários da empresa eram usados para campanha política.

— Que aproveitemos essa comissão de inquérito que vai ser criada para que junto com essa CPI da É Só Parar seja feita a CPI da Flash. Ou melhor, que seja por tempo que aconteceu os fatos. Primeiro da Flash, depois da É Só Parar. Ou se puder fazer as duas juntas, agradecemos. Por que aqui sim temos fatos palpáveis, temos aqui crime que a administração passada cometeu e eu acho que por isso temos que instaurar uma CPI aqui nesta casa — finaliza.

Deixe seu comentário